sábado, 7 de fevereiro de 2015

dapv - coadoção

Sem rodeios, deixo-vos com a minha participação do desafio Deixa as Palavras Voarem desta semana!




Olá, o meu nome é Matilde. Não foi com este nome que nasci, mas é este nome que os meus pais me colocaram. 
Se vos dissesse tudo o que tivemos de sofrer para neste momento estarmos juntos, vocês ficariam chocados. Mas, infelizmente, é isto que vivemos no nosso país. Os meus pais tiveram de mover mundos e fundos para poderem dar-me aquilo, que à nascença, já me deveria ser garantido - casa, amor, carinho e educação.
Nunca me faltaram com nada disso, mas em pleno ano de 2030, ainda há quem nos olhe de lado de cada vez que passamos na rua. Não é normal, dizem uns. Somos uma família estranha, atiram outros ao ar. 
Não somos, eu tenho 14 anos e eles têm 38! Qual é o mal nisto?
Ah, já sei. Eles chamam-se Miguel e Rafael. São dois homens. Não foram concebidos para amarem o seu igual, para terem filhos ou para viver. Crueldade de mundo...
São dois seres que espalham alegria e diversão a cada palavra, que transmitem carinho e amor a cada gesto.
Os meus amigos adoram-nos, alguns pais nem tanto, mas os filhos pedem para estarem em minha casa porque eles são fixes. E são mesmo, não falo por serem meus pais, falo porque é verdade. 
Falo porque não é um papel onde diz que sou coadotada pelo Miguel e pelo Rafael, que define o grau de parentesco entre nós. Eles são os meus pais, são as pessoas que me recolheram quando alguém, tido pela sociedade, como normal, me despejou em frente a um orfanato. 
Hoje cresci, tenho tudo o que tenho direito e ainda mais - dois pais que sabem ser pais, dois pais que sabem ser humanos, dois pais que me amam. E pergunto agora - não será o amor o mais importante motor do mundo?

29 comentários:

  1. Excelente!


    *Beijinhos*
    Caty<3
    http://myfairytale4.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  2. Gostei muito. Esperemos que em 2030 esteja tudo muito mais avançado :) Obrigada pela participação

    ResponderEliminar
  3. Ai, amei!
    Quando é voltas a escrever uma história e enviar-me para eu me deliciar? :D
    kiss na cheek

    ResponderEliminar
  4. Adorei! Muito bom e escusado será dizer que concordo a mil!

    r: devias-me ter avisado disso antes de eu ter visto o filme ahah

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. r: gostei sim :D e claro que tu tens desculpa, afinal de contas domar essa juba maravilhosa dá trabalho :p eles é que não têm desculpa nenhuma ahah

      Eliminar
    2. r: não vi mas sei duas coisas:
      - Ter cabelo encaracolado dá trabalho!
      - Se é da Roxy é maravilhoso (e isto aplica-se a tudo!) :p

      Eliminar
  5. Confesso que sou um bocado selectiva em questão a este assunto! Mas escreves-te muito bem, adorei até :p

    ResponderEliminar
  6. Olá fofinha! Nomeei-te para uma TAG, passa pelo blog :)
    Kiss*

    ResponderEliminar
  7. Adorei e a última frase até me arrepiou

    ResponderEliminar
  8. "Hoje cresci, tenho tudo o que tenho direito e ainda mais - dois pais que sabem ser pais, dois pais que sabem ser humanos, dois pais que me amam. E pergunto agora - não será o amor o mais importante motor do mundo?" LOVEEEEE IT!

    r: também gostas das fifth harmony? :D

    ResponderEliminar
  9. Este é ainda um tema polémico... e pergunto-me se algum dia deixará de ser. Partilho da tua opinião de que o mais importante é o amor mas... e a criança, os comentários que terá de ouvir e enfrentar? Porque apesar de tudo, o amor pode ser muito, mas nem sempre é assim tão fácil ignorar os que à nossa volta nos tentam deitar a baixo...

    Bj
    http://the-blog-ofmylife.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  10. Quando deixares de ser tão linda avisa!!

    r: "No one, no one, no o-o-oneee!" :p

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. r: Take a guess.
      Se acertares pode ser que te diga :p

      Eliminar
  11. Amei a última frase, um texto lindo.
    Beijinhos

    http://redlipsmeg.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  12. Adorei!
    R: Essa é ainda uma questão que eu tento resolver na minha cabeça ahahahahahahah

    ResponderEliminar
  13. r: ahahah eu já não sei se gosto mais dos carecas ou nao xD

    ResponderEliminar
  14. r: obrigada pelo comentário :) gostei tanto e é tão verdadeee (infelizmente)!

    beijinhoo **

    ResponderEliminar
  15. r: Receber criticas positivas aos nossos trabalhos faz mesmo valer a pena todo o trabalho :)

    ResponderEliminar